Por que o registro de marca deve ser uma preocupação de pequenas empresas?

A sua pequena empresa tem muito a ganhar com o registro da sua marca. Entenda melhor o motivo.

Nós sempre falamos da importância de registrar a sua marca e comumente é considerado como um recurso disponível somente para empresas grandes e multinacionais para protegerem seu patrimônio.

Afinal, por onde andamos, somos impactados por marcas registradas: McDonald’s, Nike, Apple, Burger King, Samsung, Adidas, Disney e elas não param por aí.

Com isso, nos habituamos a enxergar o registro de marca como um recurso de grandes empresas.

Assim, não nos preocupamos com nossas pequenas empresas. Afinal, quem iria criar problemas com a marca de uma pequena empresa, que muitas vezes age apenas regionalmente?

Esse é um erro bem comum cometido por muitos empresários. E existem milhares de histórias que podem ilustrar esse erro.

Uma história de 2015 conta que um empresário que foi forçado a mudar a sua marca e o nome do seu negócio – que já tinha mais de 10 anos no mercado, pois ela se parecia, foneticamente, com a marca de uma bandeira de cartão de crédito.

A marca descobriu a semelhança fonética e como estava registrada, notificou a pequena empresa a mudar sua marca.

O resultado? O nome que era regionalmente conhecido por clientes, ex-clientes e colaboradores está morrendo e em seu lugar está nascendo um nome criado às pressas para resolver o problema.

E o pior nem é isso. Todo o retrabalho de criação de material de marketing (logotipo, website, cartões de visita, fachada, papelaria etc.). É só fazer os cálculos por cima, que você vai chegar à conclusão de que isso não foi nada barato.

Agora, vamos dar um passo para trás. Imagine, se essa pequena empresa, logo no início tivesse buscado uma assessoria ou consultoria em registro de marcas.

Ele saberia, antes de bater o martelo no nome do seunegócio, que poderia ter problemas futuros. Muitas vezes, o problema chega em alguns meses. Em outra, demora anos e o estrago pode ser bem maior.

Apesar do empresário à frente da empresa ser conhecido em sua região, os boatos sempre existirão e mesmo que ele conte o motivo de ter mudado de nome da empresa, o prejuízo está causado.

Por um lado, os boatos de que foi uma briga entre sócios que dissolveu a empresa. Do outro lado, mesmo o cliente contando a verdade e sua versão da história, ficam os boatos e incertezas. Isso para os clientes que já o conhecem e se relacionam com ele. Os clientes antigos, que procurarem pela empresa, muito provavelmente vão pensar que a empresa não existe mais.

Como dissemos, uma consultoria resolveria esse problema há 10 anos atrás, ajudaria essa empresa a construir uma marca, registrar e estar totalmente protegido no território nacional. Essa é apenas uma história de como o registro de marcas poderia ter ajudado uma pequena empresa.

Se você não quer que o seu negócio passe por um problema parecido, certamente deve contatar uma empresa especialista no registro de marcas e entender como criar uma marca forte e protegida desde o começo.

 

Deixe um comentário